domingo, fevereiro 17

CONCERTO PARA A ILHA


Glenn Brown «On Hearing on the Death of my Mother» 2002
oil on board


CONCERTO PARA A ILHA

A todas as horas
há segredos perdidos nas notas de Liszt.

Aos pés da ilha
os degraus de giesta estão em silêncio
e as palavras
tombam pequenas… tão pequenas… fugindo.

Na praça vai haver concerto.
Acabaram de chegar Deus e alguns santos.
(Há confusão:
Quebraram-se cordas de um piano).
As palavras
esbarram no infinito feitas loucas.
A música queima.
Perdem-se sons irrecuperáveis.
Toda a multidão esquece o mistério do olhar,
e Liszt,
com a última partitura
ensaia um coro de anjos.

Na campa
anti-nuclear não há descanso.

(Ivo Machado)



in «Alguns Anos de Pastor», 1981
Poemas Fora de Casa (antologia), Exodus Editores, 2006

Etiquetas: ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial